Cuidados com a pele na menopausa

A menopausa pode acelerar o envelhecimento por isto é preciso manter alguns cuidados para amenizar o processo, diante disso, é comum que ela cause ressecamento, manchas flacidez e até mesmo rugas.

Normalmente estas marcas aparecem com o tempo, entretanto, com alguns cuidados é possível retardar estes efeitos e ainda minimizar a deterioração da pele.

O envelhecimento pode acontecer devido a alguns problemas como poluição, fumo, álcool, má nutrição e infeções, além da exposição solar. Mas, além disso, os problemas podem ocorrer devido à genética, hormônios e metabolismo, principalmente com o passar dos anos.

A idade também influencia muita coisa, assim, depois dos cincos anos depois da menopausa é natural diminuir a taxa de colágeno.

Mas não é somente estes fatores que prejudicam a pele na menopausa já que outros se somam e agravam mais as marcas na pele e influenciam na elasticidade e capacidade de cicatrização, trazendo mais rugas, flacidez e ressecamento.

Sem sol

Mas o inimigo principal do envelhecimento é o sol, pois a exposição à radiação é o fator que mais origina este problema. Com o passar dos anos é comum que ocorra vários danos celulares até mesmo uma maior produção de radicais livres, assim provoca o enrugamento precoce.

Conforme especialistas o recomendado é manter distância do sol, ter uma alimentação balanceada, não fumar ou seja, ter um estilo de vida saudável para amenizar os problemas de envelhecimento.

Prevenção

Para o cuidado na pele contra a menopausa é preciso utilizar cosméticos que ajudem na prevenção e diminua as marcas do tempo. Atualmente existem vários produtos que tratam os efeitos da menopausa.

O recomendado é utilizar o produto que atue diretamente no problema, ou seja, que consiga clarear as manchas, hidratar, amenizar as rugas e lidar com a flacidez.

Algumas soluções é optar pelos ativos de ácido hialurônico, padina pavonica (alga marinha, pois ajuda a esticar a pele e ainda estimula produção de proteínas), aquaporinas ( circulação da água) estrógeno (melhora o colágeno e beneficia a textura), antioxidantes como vitaminas A e C, licopeno, chá verde e coenzima Q10 (neutraliza os radicais livres), ácidos como retinoico, glicólico, kógico e mandélico( descama e elimina células mortas e ajuda na produção de fibras elásticas e colágenas).

Geralmente a pele em menopausa necessita de hidratação, por isto é preciso utilizar componentes que apresentem a classe dos silícios orgânicos, como hidroxiprolisilane e ascorbosilane.

Cuidados com a pele

Como explicado acima é preciso levar todas estas recomendações para o trato da pele que sofre com a menopausa, porém, alguns cuidados a mais pode também permitir que sua aparência seja mais jovem.

 

Diante disso para cuidar da pele na menopausa é preciso:

Amenizar a flacidez

Para diminuir o ideal é utilizar os cremes que possuem vitamina A (retinol), mas para efeito positivo o certo é utilizar a partir dos trinta anos, assim é possível estimular a pele e a produção de colágeno.

Cremes com estrógenos de base vegetal

Os extratos de soja e inhame, também ajudam a reequilibrar os níveis hormonais, e estimular a produção de colágeno.

Rugas

Por meio da toxina botulínica é possível fazer o relaxamento de músculos faciais e inibir a formação de rugas devido à contração ou do movimento muscular.

Cremes antioxidantes

Eles devem ser aliados ao uso de retinóides tópicos para ajudar a defender a pele contra o envelhecimento acelerado.

No Comments Yet

Leave a Reply

Your email address will not be published.