Melasma porque justo comigo? Entenda as causas e conheça o tratamento

Normalmente as pessoas procuram o dermatologista para saber sobre o aparecimento das manchas na pele. Existem vários tipos de manchas mais o comum é o melasma.

Isto acontece nas mulheres com idade fértil, pois estas manchas escurecidas podem atingir bochechas, testa nariz e a pele acima do lábio superior. Nesse local acumula a melanina de aparência acastanhando que pode escurecer.

Infelizmente a sua causa é desconhecida mais existem alguns fatores que podem construir, são eles:

Tendência genética

Influência dos hormônios

O problema pode piorar quando é utilizado anticoncepcional ou durante a gestação. Como não tem como adivinhar o problema e saber quem possui mais tendência o correto é utilizar o filtro solar diariamente.

Luz solar e luz visível

Os raios ultravioletas também estão presentes na luz solar, portanto é possível estimular a melanina o que pode piorar a situação. Além disso, até mesmo o sol que toma ao andar na rua e os raios que passam pelo vidro das janelas é prejudicial, portanto é preciso sempre estar atento.

Cuidado com as manchas

As pessoas que sofrem com o melasma precisam saber que a sua pele é mais sensível a esta luz, portanto, sua sensibilidade não muda mesmo quando é feito o tratamento. O correto é se cuidar diariamente e manter o tratamento contra a luz visível, independente do tempo, seja nos dias de chuva ou sol.

Após o tratamento é fundamental manter o cuidado, pois mesmo que depois a pele volte a clarear a mancha pode aparecer.

O uso de o filtro solar pode proteger contra os raios ultravioletas A e B. No dia a dia, opte pelos mais opacos, pois possuem associação com filtros solares químicos aos físicos, como exemplo o dióxido de titânio ou o óxido de zinco. O recomendado é usar um com FPS 30.

No dia a dia passe no intervalo de 3 horas, e caso você se molhar ou suar use novamente. Na praia e na piscina o cuidado precisa ser maior, portanto, além de usar o filtro, coloque o filtro e o boné e procure ficar na sombra nos horários de pico do sol. Para as mulheres que utilizam a pílula anticoncepcional, a resposta do tratamento é pior, caso as manchas incomodem o ideal é mudar o seu método contraceptivo.

Com a consulta com o dermatologista é possível avaliar mais sobre o acúmulo da melanina, portanto, fica mais fácil identificar se é profundo ou superficial. Com esta avaliação é possível ter resultados sobre o tratamento, já que o acúmulo superficial é mais fácil de tratar.

O interessante é que hoje existem bons clareadores e até mesmo cremes que podem ser usados de forma domiciliar, como a hidroquinona, da tretinoína, ácido glicólico entre outros. Consequentemente o tratamento é complementado com peelings químicos e nas situações na qual é mais resistente é utilizado os laseres.

Depois do tratamento o resultado surge de um ou dois meses de tratamento, portanto, com meio ano é possível observar a melhora, em seguida o ideal é fazer um tratamento de manutenção, dando atenção sempre à proteção solar.

1 Comment
  1. Tenho melasma e estou usando a pomada triderm , uso em dias alternados e uso continuamente protetor solar. Como uso triderm em dias alternados gostaria de saber se posso usar algum tipo de creme ou hidratante durante a noite nos dias em que eu não usar o triderm? Se puder usar gostaria da indicação de um creme para o rosto. Obrigada

Leave a Reply

Your email address will not be published.