9 erros que prejudicam a perda de peso e a saúde

Na teoria a maior parte das pessoas sabe que deve se alimentar de três em três horas, é preciso eliminar os doces e a gordura, é precisa incluir frutas e verduras e também praticar atividade física pelo menos três vezes na semana.

Diante disso, os especialistas informam que a educação alimentar é fundamental para entrar em forma, porém, a mudança de hábito deve começar em casa, para garantir resultados.

Com isto existem alguns erros bem comuns na alimentação, por isto para ter uma ideia veja quais são os noves erros mais comuns e que pode influenciar na sua dieta.

1 – Sem café da manhã

Algumas pessoas dizem não sentir fome pela manhã ou ainda questionam que não possui tempo para comer, mas depois de um jejum de no mínimo seis horas é preciso que o corpo tenha energia para realizar suas atividades, portanto, não fique sem tomar o café da manhã.

2 – Excesso de café

Boa parte dos usuários não consegue ficar sem um café fresco, mas em excesso é prejudicial, pois pode fazer mal para o organismo principalmente para quem possui histórico de pressão alta. O indicado é consumir por dia somente uma xícara de café.

3 – Carboidrato

Uma técnica comum de quem deseja emagrecer é cortar radicalmente o carboidrato da alimentação, de certa forma ajuda a perder alguns quilos, mas depois de um tempo pode levar a alguns problemas.

A falta do carboidrato causa fadiga, por isto a pessoa irá se sentir cansada, apática e pode apresentar mau humor e até enfraquecimento das unhas.

O certo é consumir em todas as refeições, mas de forma equilibrada.

4 – Consumo excessivo de alimentos light

Muitos acham que os alimentos light pode ser a solução, mas na verdade o grande problema é o excesso de sódio. A alternativa é olhar o rótulo e ver se o sódio é menor que 100 mg, pois ele facilita a retenção de líquidos e aumento da pressão e sem moderação pode fazer mal para a saúde.

5 – Excluir totalmente a carne vermelha das refeições

É preciso manter a atenção, o indicado é consumir carnes magras de duas a três vezes na semana e incluir na alimentação itens ricos em nutrientes.

6 – Líquido em excesso

Existe muita discussão quando o assunto é tomar líquidos na hora da refeição, mas um copo de 200 a 250 ml, não atrapalha, mas quem toma muito na hora da comida pode dificultar a absorção dos nutrientes.

7 – Shakes ao invés de refeições

Os shakes são atraentes e ajudam na sensação da saciedade, porém, os especialistas não incentivam o consumo.

É preciso saber que o shake é processado e pode levar um período menor de saciedade e até deficiência de um nutriente, além disso, ele não faz parte da reeducação alimentar.

8 – Suplementos alimentares aleatoriamente

Para quem não possui uma rotina os suplementos alimentares pode ser útil para suprir a alimentação, mas sem um profissional não é o indicado.

Em alguns casos a pessoa faz o uso do suplemento que possui um nutriente que não é indicado, pro isto pode garantir o efeito contrário.

9 – Malhar sem comer antes

Conforme conselhos de nutricionistas, fazer atividade física sem nada no estômago não é bom, pois faz com que a pessoa queime massa magra.

O correto antes do treino é consumir uma fonte de carboidrato, como fruta, granola sem açúcar, iogurte ou pão francês.

No Comments Yet

Leave a Reply

Your email address will not be published.